2011-02-06

Sonhar… é tudo o que preciso


Sonhar é o mais real que tenho de te sentir perto de mim…
De prolongar os momentos perfeitos contigo…
De sentir de novo os teus lábios nos meus…
De ver de novo o teu olhar cruzar-se com o meu.

Hoje perdi-me nas memórias
E chorei quando relembrei…
Como me perdia nos teus beijos
Quando me seguravas nos teus braços
E me deixava levar pelo teu toque…
Onde o nosso sentir era intenso…
Onde encontrava a calmaria num mar agitado
Só com o teu abraço…

Levavas-me para outra dimensão…
E trazias-me...bem devagarinho
Olhando-me com infinita doçura
Cobrias-me com beijos
Saciavas os meus desejos
Conhecias todos os meus trilhos…
Tu abriste a porta… não a deixes fechar.

Faz do meu coração um lugar melhor!
Dá-me algo em que eu possa acreditar…

Vem amar-me mais uma vez…
Vem arrepiar o meu corpo.
Envolve-me em carícias, toques e delírios
Descobrir o que já conheces
Mais uma vez…
Marcar o teu corpo no meu
A tua boca na minha boca
A minha pele contra a tua pele
Vibração intensa dos nossos corpos…

Sensualidade
Sedução
Paixão
Provocação
Segredos lascivos murmurados
Em busca de caminhos proibidos!

És a minha realidade, ou a minha ilusão?

Eu quero acreditar que isto é real....
Salva-me do meu medo!
Faz do meu coração um lugar melhor!
E dá-me algo em que possa acreditar!

video

Angel


São os teus olhos que me iluminam,
que tornam o meu caminho claro,
e que me guiam na noite.

É a tua voz que me faz saber por onde caminhar,
que serve de bússola,
que me leva até ti.

É o teu cheiro que eu sigo,
que persigo,
que me conduz na esperança de te encontrar.

É o bater do teu coração
que me dá vida,
que me dá força para continuar.

É o meu amor que me move,
que me faz não desistir,
quando tudo parece estar perdido.

E quando eu cair?
E quando tudo parecer desabar?

Quando isso acontecer...

Conto com a tua mão aberta,
aquela que me ajuda a levantar,
aquela que me leva até ti,
aquela que me mostra o caminho,
aquela que me defende,
aquela que me leva para os teus braços,
aquela que me faz chegar juntinho a ti.

Por fim, dou por mim...
envolvida nos teus braços,
num sonho que não acaba,
num abraço eterno.

Aquele abraço que me transmite segurança,
aquele abraço que conforta,
aquele abraço que me faz crer que o paraíso existe,
aquele abraço que me faz sentir-te.

Então beija-me...
Beija-me!
Beija-me e sente...

Sente como desejo encontrar-te,
como desejo tocar-te,
como desejo sentir-te.

Sente o quanto te quero,
sente o quanto quis chegar aqui,
sente o quanto lutei por ti,
sente o quanto te quero,
sente o quanto preciso de ti,
sente o quanto importante foste,
és e serás sempre para mim.

video

Doce sinfonia


Lá fora o vento sopra...

Sopra uma doce melodia...

As folhas dançam uma dança triste
Embaladas pela doce sinfonia...

Às vezes caem por terra
Outras rodopiam no ar.

Sinto no vento a doce carícia
Trazendo-me a delícia
De um carinho de Amor...

E nesse bailado silencioso
Trazem lembranças para mim.

Fico aqui a imaginar
Se em cada folha que cai
Eu pudesse escrever um verso.

Faria um enorme tapete
Cheio de sonhos e carinhos
Como pedaços coloridos de esperança
Para te ofertar...

Ai se eu tivesse o poder de transformar!!!

Transformaria esta saudade na tua presença.

Transformaria o meu pranto em alegria.

Cada lágrima que caísse dos meus olhos
Seriam flores coloridas e perfumadas
Que te oferecia para acalentar a alma...

Quisera eu poder escrever algo mais....

Mas esta saudade...

Ai esta saudade!!!! ....

A lágrima não deixa!!!!!
video

Paleta de Cores e Sabores


A Lua brilha para mim
Infinita sensação de prazer…
A Lua faz-me sentir assim.
Rege os meus carinhos...
Estou livre
Mas prisioneira do teu coração!
Sinto falta de ti
Daquela intensa paixão...
Difícil não pensar em ti
Nas loucuras que dizias fazer por mim
Das intensas declarações de amor
Subtis nos teus beijos, nos teus desejos…
Sedução do Sol pela Lua
Que brilham intensa nesta paixão
Em eclipse total de devassidão...
Entre os muitos caminhos na multidão
O pensamento longe, vagueia...
Sinto a tua presença
Dentro do coração...
Um frio de arrepio sinto
Só de pensar em ti…
Não, não posso estar tão louca
Dessa insana paixão!
Sinto os teus braços
Apertando-me contra o teu peito…
E eu ardendo em desejo
Louca para te amar…
Faz amor comigo!
Vem agora…
A Lua quer o Sol
A flor está aqui
E é só para ti...
Sussurra ao meu ouvido
Palavras que sabes que gosto de escutar
Na hora de amar...
Faz do meu corpo
A tua poesia…
Toca o meu rosto
Enxuga a minha lágrima
Ouve a minha voz
Sente as minhas mãos
Molha a tua boca
Aperta o meu corpo
Num abraço forte
Intenso
Demorado
Desejado...
Desalinha os meus cabelos
Arranha as minhas costas
Beija o meu peito
Deixa-me perder no teu sorriso
Reflectindo a minha alma
Através do teu olhar!
Escreve as tuas palavras
De forma que seja o toque
Na minha pele arrepiada
De tantos desejos, tomada...
Na cadência das palavras
Nos soltamos
Um completa o pensamento e a poesia do outro
Num dueto harmonioso!
Parece que lês
Os meus desejos profundos
Devassos, mundanos...
És parte de mim!
A tua poesia, como a minha
Já faz parte de ti também.
Juntos, em perfeita sintonia
Fazemos a nossa magia…
Delírios, desejos…
Buscas, beijos…
Olhares de paixão…
Vem fazer um arco-íris…
Mistura de cores e sabores
Num passeio delicioso.
Nessa louca
Mistura de amores
Que os nossos sonhos traduzem
Em sabores…
E em cores!
Mais uma vez temos asas para voar!....

video

Missing You


Missing You

Tear drops

Dripping

Turn my face

Where?

How?

Why?

Missing you...

video

Scars


Every time I see,
my eyes,
in my reflection...
I can't help but be disappointed,
at who I am...

And every time I feel,
my skin,
breaking on metal...
It helps me be quiet,
and quiet's where I need to be...

Scars on my skin...
Scars on my heart...
Scars on my soul...
Reminding me of myself...

Scars on my skin...
Scars on my heart...
Scars on my soul...
Reminding me of myself...

And if I let you in,
You'll tear me apart...

Every time I feel alone,
and left forgotten,
I have to believe in something...
like angels,
to breathe...

And every time I see,
my pain,
beating in rhythm...
I need to be silenced,
In silence where I hide my fear...

Scars on my skin...
Scars on my heart...
Scars on my soul...
Reminding me of myself...

Scars on my skin...
Scars on my heart...
Scars on my soul...
Reminding me of myself...

And if I let you in,
You'll tear me apart...

So just hold me,
wrap me in your arms,
don't let me fall again...
teach me,
so I don't have to learn anything more from you...

Isn't my pain good enough for faith,
in you?
Isn't my pain good enough for faith,
in you?

So just hold me,
wrap me in your arms,
don't let me fall again...
teach me,
so I don't have to learn anything more from you...

Isn't my pain good enough for faith,
in you?
Isn't my pain good enough for faith,
in you?

For a Special Angel
video

Pensamentos soltos


Amar é sentir com a alma…

Amar é admirar com o coração…

Os grandes corações nunca são felizes…

Os sentimentos verdadeiros manifestam-se mais por actos que palavras…

O sentimento é uma flor delicada…

Nunca digas que esqueceste um amor… diz apenas que consegues falar nele sem chorar, pois o amor é... inesquecível…

O destino une e separa, mas nenhuma força é tão grande para fazer esquecer um amor…

A beleza das pessoas está na capacidade de amar e encontrar no próximo a continuidade do seu Ser….

Quem tentar possuir uma flor, verá a sua beleza murchando. Mas quem apenas olhar para uma flor num campo, permanecerá para sempre com ela. Tu nunca serás meu e, por isso, ter-te-ei para sempre dentro do meu coração...

Amar alguém é ser o único a ver um milagre invisível aos outros…

Já não sei se encontrarão os meus olhos nos teus olhos. Já não se adoçará junto a ti a minha dor, mas por onde for levarei o teu olhar comigo…

Todos nós vivemos devorados pela necessidade de sermos amados, mas temos medo da insegurança de amar.
video

Saudade


Os meus olhos fixam o firmamento
E acompanham a noite calma e serena
Os meus olhos perdem-se no horizonte...
E… sonham…
O manto negro da noite cobriu o céu
Com o seu véu pontilhado de estrelas.
É madrugada.
No céu a lua paira absoluta…
Cada estrela tem o teu sorriso
A lua enfeitiça o meu pensamento
Cada estrela é uma magia...
O mundo parece estar parado
Mas o meu coração não.
Sentada na minha cama
Vejo o vazio que o meu quarto transparece.
Olho à minha volta e vejo
Simplesmente nada…
Nesse instante o meu pensamento voa….
Mergulhei em ti…
Pintei o mais lindo céu
Sonhei com as mais brilhantes estrelas
Naveguei nas mais suaves marés
Deliciei-me com a tua forma de amar
Deixei que o embalo do amor me levasse
E senti o sabor da paixão…
E sonhei…. vivi…. amei….
Agora sinto saudades…
Saudade é um sonho que treme,
Um sonho que chora,
Um beijo que geme…
Saudade é aquilo que dói,
Pranto que na alma rola,
Doçura que nos corrói,
Tristeza que nos consola.
Nada tem mais sentido…
Apenas sinto amor
Com lágrimas de dor…
Hoje, tiro a máscara…
E a solidão é a minha verdade.
Agora, só me resta a saudade…
Saudade do calor do desejo,
Saudade do desejo do amor,
Saudade do amor que queima,
A saudade que queima o peito…
Saudade que me faz gemer,
A saudade que fere a alma,
A saudade que dilacera os pensamentos.
Saudade que consome a energia,
A saudade que transforma sentimentos,
A saudade que destrói os sonhos,
E nos faz navegar pelo mar dos tormentos…
Saudades que fazem sentir dor…

video

Amor


Abro um pouco o A,
beijo com vontade o M,
contorno bem o O,
e faço cócegas ao R...
Assim mostro o que sinto!

Se te soletrar, direi:
A de Amor,
M de Muito amor,
O de Obviamente amor
R de Repito amor.

Se te desenhar será com:
um redondo Arco
feito à Mão livre
na mais linda Obra de arte
que me sai sem Rascunho.

E pronto...
sais sempre tu,
sai sempre AMOR!
video

Lua de Prata


Vai alta a Lua de Prata no Céu!

Lua doce, amiga dos poetas.

Penso em ti e nos nossos momentos.

Embriago-me de lembranças,

Que são iluminadas pela luz da Lua Cheia.

Deixa-me ficar

No aconchego dos teus braços

E ser a tua ardente companhia

Nas noites de amor e magia.

E nesse sentir tão mágico

Percebo que sou os teus olhos.

Basta um olhar teu

Para que a Terra vire Céu!

Deixa-me permanecer

Nas tuas veias loucas

E entorpecer-te a boca

De beijos doces e meigos.

Os pensamentos atordoam-me.

Insanos arrepios percorrem o meu ser.

E, neste instante tão imenso,

Sinto ser a tua pele a envolver-me

Com o nosso mais doce prazer...

Deixa-me estar

Entre os teus lábios com sabor a mel

E senti-los nas minhas entranhas

Num ritual de sonhos e fantasia.

Deixa-me estar

Na ponta dos teus dedos

E esvoaçar pela tua pele

Para sentir

Todo o teu mistério e fascínio.

Deixa-me cavalgar

Em galopes pelo teu corpo

E destemida, entoar-te

O meu mais doce canto.

Deixa-me estar

Nas brumas da tua madrugada

E contigo, deitada, ser amada

Como jamais ambos sonhamos!

Deixa-me estar assim...

Neste prazer divinal…

Como uma magia…

Como um feitiço…

Como um segredo…

Na luz eterna da Lua de Prata

Na luz eterna do teu olhar!
video

Teu sorriso… Teu toque… Teu coração…


O teu sorriso desperta a minha alma
Como o sol desperta o dia.
O teu toque desperta os meus sentidos
Como a lua desperta a noite.
O teu coração resiste à paixão
Como o céu resiste a todas as estrelas.
Um beijo doce teu
E a minha vida é toda tua.
O teu abraço meigo dá-me segurança
Como o arco-íris para lá do horizonte.
Abraça-me ternamente…
Eu amo os teus olhos
Eles falam de coisas mil.
Eles brilham como mil sóis
E eu afogo-me nessa intensidade.
Assim como o orvalho da manhã
Exótico e bonito que me fazem lembrar-te.
Toda a vez que eu olho nos teus olhos
Fico perdida nas nossas memórias
Que me fazem esquecer o mundo atrás de mim.
Gostaria muito de ficar lá para sempre!
Na minha solidão desta noite
Eu não consigo manter-te fora da minha mente
Eu quero-te abraçar com toda a minha força.
Oh!!... O que eu não daria só para te ter
Aqui comigo a noite toda…
Tudo me evoca memórias inumeráveis
Sensações inesquecíveis
Desejos libidinosos…
E deixam uma impressão em mim.
Considero-me uma mulher com sorte
Por ter experimentado o calor da tua paixão.
Velhas memórias estão voltando para mim
E estão a fazer-me sentir verdadeiramente feliz.
Se é errado amar-te
Então eu apenas não quero estar certa
Pois a vida é muito melhor contigo por perto.
video

Dança Comigo


Vem...
Quero dançar contigo!
Ter-te perto do meu coração…
Parar os ponteiros do relógio
Fazer com que o Mundo
Nos dê um pouco mais de tempo
Para sentir os nossos corpos juntos….
A música que só nós podemos ouvir
Deixa-a ecoar no Céu…

Vem….
Vem dançar comigo!
Em cada passo percorremos os caminhos da paixão…
Em cada giro viajamos até ao paraíso…
Em cada olhar transmitimos desejos…
Em cada toque multiplicamos sensações…
Em cada entrega transcendemos a emoção…
Em cada dança amamo-nos...

Vem…
Vem dançar comigo!
Sentir os nossos corações em sintonia…
Sentir o calor da tua mão na minha mão…
Sentir o sabor doce e quente do teu beijo…

Vem...
Dança comigo!
Vem aconchegar-me no teu abraço
Deixa-me sentir os nossos corpos colados
Tão perto como a pele na pele…
Deixa-me provar o teu beijo profundo
Abraça-me bem no teu coração…
Até a noite se tornar dia.

Vem...
Dança comigo
Até o Mundo acabar
E eu não consiga resistir aos teus encantos.

Vem...
Dança comigo
E deixa-me morrer nos teus braços...

Vem dançar comigo esta noite!!!!
video

Migalhas de Mim


De encontro à vidraça da minha janela, gotas de chuva reflectem o Mundo lá fora.
Daqui vejo o mar de solidão onde navego, vejo o céu onde voo em sonhos, vejo o futuro que me seduz.
Queria voar daqui para além mar, sair e encontrar-me na imperfeição das coisas de que sou feita, inverter o olhar e ver-me entre a escuridão da alma.
Na ambiguidade do querer sinto-me bem na minha pele quando vejo o meu reflexo no espelho do tempo, quando saio de mim para me contemplar através dos olhos do mundo.
Não procuro no nada o pouco que me falta, nem almejo o muito que espero dar, sento-me sobre os dias, espero que a mão do Universo me segrede ao ouvido as horas de viver, os momentos de serenar e os sorrisos que quero oferecer a cada pedaço que completo.
De rédeas soltas ao pensamento correm as fraquezas em frenesim desmesurado, em busca das forças que demais se esforçam em vão nos jogos inglórios a que me imponho.
A chuva que varre as ventanias do jardim que mantenho às portas da eternidade, lava-me as perguntas, refresca-me as memórias, limpa-me os olhos turvos e aclara-me a mente.
De sentimentos me faço, em loucuras me desfaço, em compreensões e indefinições desfolho as flores que fazem o livro que escrevo no silêncio da noite, sempre na ânsia de me encontrar entre as suas folhas.
As estrelas que não leio, são a lição, são a moral da história que não está escrita, são a inspiração que não veio a mim nos dias que não vivi, quando o Sol não nasceu e a noite caiu sobre mim.
Nesta migalha de mim dou-me o todo que já fui, nesta fatia de Vida me entrego ao Tempo, neste momento de Paz me entrego a mim...
video

Se...


...Se na minha mente, no meu mais eu que de profundo tenho
eu conseguisse, um dia, encontrar um lugar só para mim...
… Se no que sou e faço, pudesse parar para respirar...
… Se, se, se, se …
Sei lá o quê!...
Sei que não tenho mais espaço na minha mente para os “ses”…
Que os “ses” me cansam…
Que estou exausta de não conseguir pensar em mais nada do que no...
… se existisse um lugar onde eu me pudesse guardar ...
… do meu medo
… de mim mesma
… de tudo o que se encontra à minha volta...

…se nesse lugar...
eu pudesse descalça, caminhar
sentir a força da Terra,
sentir a leveza da Água
pedir ao Vento um beijo...
ao Sol um pedaço de nada encantado...
à Lua um pouco de silêncio...

… talvez as minhas ideias
se sentassem perto de um rio rasgado...
... e me fizessem por fim
...mesmo no fim de tudo isto...
... encontrar-me a mim própria!

Só quereria mesmo poder descansar...

... Dá-me um beijo amigo
... um suave e doce beijo...

Adormece-me junto do teu peito...
... Não faças barulho...
... Fica aqui comigo...

video

Minha Vida em tua Vida


Minha vida em tua vida...

Meu desejo é transformar

Teu sorriso em meu sorriso...

Para que sejamos um só

Como a árvore e o ramo...

Unifica no teu amor

Todas as coisas que eu amo ...

Para que não seja eu quem vive agora

Mas sim tu ...

Nas alegrias e nas tristezas

Sejas tu quem vive em mim ...

video

No brilho da cor de uma flor



No brilho da cor de uma flor, deixo-te mil segredos por revelar.

Entre as letras que te escrevo guardo os sentidos que apenas a ti entrego.

As saudades estendem-se pela imensidão do oceano e a ausência deixa-me a alma sombria, mas a esperança de que o regresso seja apenas questão de um segundo, dá-me o alento necessário para fazer brotar da profundidade dos sentidos as palavras que me alimentam na tua ausência.

Os perfumes que mesclo, entre essências de vida, tentando reiniciar a formula mágica que me levará de corpo e alma para o teu mundo, exalam o gosto da tua pele, qual pétala desta flor que te ofereço.

O teu corpo longínquo envia-me em cada segundo o pulsar do teu coração, a tua alma dentro da minha, traduz as letras que te emprestam para me escreveres, desencriptando os sentimentos que nelas embrulhaste com a seda do teu pensamento.

Contemplo esta flor, sabendo que existes em mim, como ela existe neste jardim secreto, onde tu caminhas na beleza das noites e repousas no brilho dos dias, deixando o tempo passar, reduzindo as horas a segundos para que a saudade te comporte.
video

Seduzir a Razão


Poderei eu seduzir a razão?
 Saberei saborear isto que sinto
 Não secando o desejo que brotaste em mim?
 Mas, no fundo, sei que a história
 Que estas palavras desenham
 Poderemos nós, os protagonistas,
 Reescrevê-la um dia…
 Olhos nos olhos…
 Mão na mão…
 Não desvio os meus olhos dos teus.
 Preciso de decorar esse teu olhar
 Para te guardar na minha mente e
 Recordá-lo sempre que precisar dele.
 Até que algum dia as palavras cedam
 E a razão se distraia...
video

Amantes na Escuridão


Numa noite enluarada
Na relva escura e profunda
Dois sentimentos
Encontram-se
Tocam-se
E beijam-se
Sentem as mãos uma na outra
As bocas encontram-se
Sobe pelos corpos
Uma volúpia insana
Um sangue quente
Batem forte dois corações
A sensibilidade é extraordinária
Tocam-se e arrepiam-se
São trocadas confidências
São trocadas carícias
Um amor fervoroso
Que deixa perfume na pele quente
Pelas sombras vão-se amando
Beijos ardentes
Corpos confusos
São quase um só
Nesse abraço apertado
Cai uma chuva densa e fria
Mas eles estão em fogo
Amam-se
Querem-se
Desejam-se
Chegam a um extremo
Nostálgico
Melancólico
Num beijo forte
Fazem o pacto
De se amarem eternamente
Na noite continuarão a encontrarem-se
E continuarão a amar-se eternamente
Duma forma triste
Combinam os desejos
Sussurram palavras irregulares
Duas formas singulares
De expressar sentimentos
Amantes pela madrugada
Amantes na escuridão

Grito de Desespero


 Preciso de um momento a sós comigo própria!
 Preciso parar...
 Preciso pensar...
 Preciso sentir...
 Preciso chorar!
 Estou cansada de reter as lágrimas...
 Estou cansada de sorrir sem vontade!
 Preciso de soltar a minha alma...
 Preciso deixar a minha dor ser um grito de desespero…
 Preciso lavar o meu coração...
 Preciso deixar a mágoa sair...
 E misturar as minhas lágrimas à chuva.
 Deixá-las percorrer o meu rosto sem as limpar
 Pois elas acabarão por se misturar nas águas do mar.
 Lágrimas sofridas e salgadas...
 O coração falou...
 O coração gritou e chorou...
 Mas não deixou de sentir
 Não deixou de querer...
 Apenas ficou mais aliviado...

video