2011-02-07

Confidentes secretos


No silêncio da noite
A escuridão traz-me o som da tua voz…

No silêncio da noite
As estrelas trazem o brilho do teu olhar…

No silêncio da noite
A lua traz-me a magia do teu sentir…

Eu sei que estás em algum lugar
Num lugar longe de mim…

À noite quando as estrelas
Iluminam o meu quarto
Eu sento-me sozinha e falo com a Lua…

Tento chegar até ti
Na esperança de que estejas
Do outro lado a falar comigo também…

Todas as noites
Eu peço à lua que leve na sua luz de prata
Um beijo doce
E te acaricie suavemente no teu sono
E te faça sonhar com a nossa magia…

Todas as noites
Eu peço ao vento que leve até ti um pouco de mim…
Leve o perfume do meu corpo
E que sopre uma brisa suave
Para que inebriado fiques e te lembres de mim…

Todas as noites
Peço às nuvens que te envolvam
Num manto suave e delicado e te embale
No sono celestial dos anjos
E te faça lembrar do meu carinho por ti…

Todas as noites
Peço às nuvens que deixem cair
Uma leve e passageira chuva
Onde em cada gota poderás lembrar
Os mais variados sabores que o meu corpo te dá…

Todos os dias
Peço ao sol que te leve o meu calor
E que os seus raios te toquem levemente
Para te lembrares das minhas carícias
E de toda a saudade que sinto de ti…

Todos os dias
Peço aos pássaros que levem uma triste canção
Para que através do seu belo canto
Te façam recordar o quanto eu te quero
E te falem do meu grande sentir….

Eu sei que estás em algum lugar
Num lugar longe de mim…
Tento chegar até ti
Na esperança de que estejas
Do outro lado a falar comigo também…

Apaga a luz do teu quarto...
Abre a janela e deixa o silêncio da noite entrar...
Escuta o som das estrelas...
E sente o beijo que a lua te dá em meu nome...
Sente e .... recorda!!!

Todos os dias…
Todas as noites…
Estes são os confidentes
Deste enorme, puro e delicado amor
Que sinto a pulsar dentro do meu coração…

video